A Evans Data Corporation realizou uma pesquisa com 1400 usuário de bancos de dados em todo o mundo para saber o que eles acham dos principais SGDBs do mercado. A pesquisa virou matéria na InformationWeek que por sua vez foi comentada pelo Sr. Lewis Cunningham.

A pesquisa envolveu os seguintes bancos de dados:

Os critérios de avaliação foram:

Antes de comentar sobre os resultados, é preciso dizer que a pesquisa é sobre a percepção dos usuários e não sobre testes de laboratório. portanto não reflete características reais dos softwares em questão e sim o que os seus usuários pensam deles.

Os resultados:

O PostgreSQL foi o que teve a segunda pior avaliação Mas estamos em 2008 e apesar do nome da pesquisa, ela foi conduzida em dezembro de 2007. Com o lançamento do PostgreSQL 8.3 algumas coisas mudam na avaliação: a performance melhorou muito e o suporte a XML também. Isto já seria motivo para o PostgreSQL subir vários pontos e encostar no Oracle e no DB2.

O que temos que perceber é que o PostgreSQL vem se desenvolvendo sobre terreno firme. Com a parte de ACID bem resolvida, é possível crescer sem ter que abrir mão da segurança. A performance do PostgreSQL vem crescendo numa taxa que o coloca entre os líderes desta categoria. Algumas funcionalidades que precisam ser melhoradas como a parte de particionamento de tabelas já estão sendo trabalhadas para a versão 8.4. Assim, o que os usuários ainda sentem falta (veja o histórico das listas do PostgreSQL e você verá que isto é recorrente) são de ferramentas de monitoramento, gerenciamento e modelagem. Ainda há muito o que se trabalhar nesta área. Mas acredito que isto seja uma questão que se resolverá. O PostgreSQL tem evoluído muito na quantidade de funções e tabelas de sistemas capazes de fornecer informações úteis para o DBA. O pgsnmpd deverá abrir as portas para o gerenciamento corporativo. O que falta são ferramentas mais amigáveis. Isto não será problema. Já vemos coisas muito promissoras neste sentido. O PostgreSQL está sedimentado sobre uma base sólida, a parte do acabamento virá naturalmente.

Deixe uma resposta